Como evitar golpes no mercado imobiliário

Contar com a ajuda de um corretor e desconfiar de preços baixos são duas das dicas

A compra de um imóvel costuma ser uma transação bastante complexa por envolver uma série de documentos e ser feita poucas vezes na vida.

Por isso mesmo, é importante estar sempre atento aos detalhes e se prevenir de intenções maliciosas. A CEO do Homer, Livia Rigueiral, reuniu abaixo cinco dicas para evitar golpes no mercado imobiliário.

O aplicativo reúne corretores de todo o Brasil por meio de Inteligência Artificial a fim de se tornar um ambiente seguro e confiável para negociações deste mercado.

Consulte um corretor profissional

Com o avanço da tecnologia, de certa forma se tornou comum que as pessoas optassem por fazer negócios sem a intermediação de um corretor de imóveis experiente.

No entanto, é sempre importante contar com a ajuda de um profissional qualificado, que conheça o mercado e consiga fazer uma avaliação honesta tanto do imóvel quanto da proposta que está sendo oferecida.

Um bom corretor também é essencial para avaliar a documentação apresentada da propriedade que está sendo negociada, além de tirar dúvidas sobre questões específicas de compra, venda ou aluguel.

Confira o cadastro do seu corretor no CRECI

Todos os corretores devem estar devidamente com o cadastro ativo no CRECI, que é a entidade que fiscaliza e apoia o trabalho destes profissionais. Antes de fechar o negócio, vale a pena checar se o corretor de fato está ligado ao órgão.

A consulta pode ser feita facilmente pelo site ou até mesmo por telefone. A medida serve de filtro para que as negociações sejam feitas por profissionais qualificados.

Desconfie de preços muito baixos

Não há nada de errado em procurar pelas melhores ofertas do mercado. No entanto, o consumidor deve ligar o sinal de alerta quando se deparar com preços muito abaixo da média praticada.

É importante ressaltar que os preços são tabelados no mercado imobiliário, o que significa que os casos de ofertas muito baixas podem ser um grande indício de irregularidade na documentação e status do imóvel ou até mesmo na estrutura da propriedade.

Também vale a pena buscar o Registro de Incorporação, documento que indica que o imóvel não tem problemas jurídicos e atesta a idoneidade do incorporador.

Feche um negócio apenas com contrato

Dedique o tempo necessário para uma leitura cuidadosa do contrato, e nunca abra mão de um documento que formalize a transação de um bem tão precioso quanto um imóvel.

Revise o acordo para que ele contenha todos os pontos da negociação e tire todas as dúvidas antes da assinatura. Além disso, certifique-se de assinar antes do contrato final uma Promessa de Compra e Venda com um sinal previsto.

O documento serve como garantia para que as partes se responsabilizem em casos de desistência da negociação. Não faça pagamentos em contas diferentes daquela descrita no contrato.

O aplicativo Homer conecta corretores de todo o Brasil por meio de Inteligência Artificial para que eles fechem parcerias de forma segura e confiável.

Todos os profissionais cadastrados têm seu registro junto ao CRECI regularmente conferido. Além disso, os corretores são avaliados dentro do app e ainda contam com uma rede de apoio de advogados especializados no mercado imobiliário a fim de tirar dúvidas e fechar negócios de forma justa e assertiva.

30 visualizações
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

portalje

Jornal Eletrônico é uma publicação Bmx3 www.bmx3.com.br