Fique atento ao câmbio da fatura do seu cartão de crédito

Fique atento ao câmbio da fatura do seu cartão de crédito

Fez compras no exterior ou on line confira a taxa de câmbio utilizada na conversão

Fez compras no exterior, baixou aquele aplicativo de música, fez compras on line, fique atento a taxa de IOF do seu cartão de crédito. Se mesmo com o IOF de 6,38% você ainda tem o costume de utilizar o cartão de crédito em suas viagens internacionais por ser mais prático, saiba que isso tem que acontecer com extrema cautela. 

Hoje em dia, os cartões pré-pagos não possuem mais a alíquota mais baixa do que o cartão de crédito, mas ainda assim costumam ser muito vantajosos. Os cartões de crédito não utilizam mais a cotação do dólar comercial em suas faturas, o valor se aproxima do dólar turismo e o turista irá pagar pela cotação do dia do vencimento da fatura, correndo o risco de ter o dólar a um preço mais alto por conta da oscilação diária.

Segundo o consultor financeiro Bruno Paulo Ferreira, CEO da Câmbio Store, fazer negócio com dinheiro em espécie é sempre a melhor saída, já que o IOF a ser cobrado na compra do dólar é de 1,1%, diferente dos 6,38% cobrados em compra com cartões de crédito.

Redobre a atenção e seja muito cauteloso quando for realizar compra em país estrangeiro com o seu cartão de crédito que possui moeda diferente do dólar ou euro. “Geralmente, a casa de câmbio fará a conversão para a moeda americana para depois converter em reais, fazendo com que o turista realize um câmbio duplo. Isso não é um bom negócio“. afirma Bruno.

Se o turista quiser optar por segurança ao levar dinheiro estrangeiro em sua viagem, uma boa saída são os cartões pré-pagos Visa Travel Money ou Mastercard Cash Passaport.

Apesar da taxa de imposto também ser de 6,38%, o viajante irá pagar pela cotação do dia, a moeda poderá ser utilizada com praticidade sem ter a necessidade de andar com uma quantia grande de dinheiro na carteira e não haverá risco de oscilação do dólar ou do euro entre o momento da compra e o pagamento da fatura.

O grande vilão do cartão de crédito é a instabilidade do cambio. Os bancos, na maioria das vezes, não deixam muito claro como a cobrança em reais é feita. Em algumas instituições as compras são convertidas pelo valor do dólar no dia do fechamento da fatura; já outras cobram o valor do cambio no dia do vencimento da fatura, mas nunca será com valor do dólar da data da compra. 

Conclusão: você acaba contando com a sorte de como estará a cotação da moeda no dia determinado pelo banco.

 Dicas para compras on line:

 – Não esqueça de entrar em contato com o seu banco para liberar o cartão de crédito para uso internacional. Geralmente você deve informar em quais países pretende usar o cartão como medida de segurança; 

– Tenha os mesmos cuidados que você tem no Brasil: não revele sua senha a ninguém, não peça ajuda a desconhecidos e nem perca os olhos de vista do seu cartão; 

– Não concentre todos os seus gastos somente no cartão de crédito para que você não fique desprevenido em caso de perda.  Uma sugestão é comprar a moeda local em espécie; 

– Tenha sempre com você os telefones da Central de Atendimento do cartão no exterior para situações simples. como por exemplo, travar a senha.

Aproveite as dicas e boas compras!!