Low Carb e Cetose

Quando a Gordura passa a Ser a Fonte de Energia no Organismo ao Invés do Açúcar.

Sabemos que nas dietas low carb e cetogênica, o organismo por começar a receber uma quantidade muito baixa de carboidrato, geralmente menos de 50g de carboidrato por dia e por isso, passa a utilizar a gordura que desta vez, começa a ser ingerida em grande quantidade, como fonte de energia.

A este processo natural do organismo, que faz com que a produção de energia se dê a partir da gordura, porque não há mais quantidade de glicose disponível, damos o nome de Cetose.

Desta forma, a cetose pode acontecer devido a períodos de jejum ou como consequência de uma dieta restrita e pobre em carboidrato (máximo de 20g de carboidrato por dia).

Infelizmente durante este processo, alguns sintomas podem acontecer no corpo e causam um pouco de desconforto. São eles:

Aumento da sede;

Diminuição da fome;

Dores de cabeça e náuseas;

Fraqueza,

Aumento da vontade de urinar;

A boa notícia é que os sintomas são temporários e duram de duas a três semanas.

Apesar da cetose contribuir para a perda de gordura e ao mesmo tempo fazer com que o corpo gere energia, é importante controlar a quantidade de corpos cetônicos no sangue, uma vez que elevadas concentrações podem tornar o sangue muito ácido, explica a Dra. Bruna Marisa, médica, endocrinologista, especialista em emagrecimento, que diz que é necessário que a dieta e o jejum intermitente, sejam acompanhados por um médico ou nutricionista.

Dra Bruna Marisa é médica, pós graduada em Endocrinologia, membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, atua na área de Medicina Esportiva, Ortomolecular e é Especialista em Emagrecimento.

19 visualizações
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

portalje

Jornal Eletrônico é uma publicação Bmx3 www.bmx3.com.br