Investimento no SUS não acompanha demanda e população busca novas alternativas

Investimento no SUS não acompanha demanda e população busca novas alternativas

Para oferecer serviços de saúde mais acessível, VidaClass investe em tecnologia, desburocratização e agilidade

Segundo dados do Siafi/Siga Brasil, o número de dependentes do Sistema Único de Saúde (SUS) no País cresceu 9% nos últimos 8 anos, enquanto, nesse mesmo período, o orçamento da pasta avançou apenas 4,2%. Essa defasagem faz com que uma parcela de pessoas não encontre no atendimento público as soluções para seus problemas.

De olho nesses dados, as empresas de saúde se mobilizam para conseguir combinar custo, qualidade e disponibilidade. Dentro desse contexto, a plataforma de saúde VidaClass disponibiliza a maior rede credenciada para seus clientes, com opções em todas as regiões e para os diferentes bolsos, dando opções de escolha e democratizando o acesso, um dos pilares que originaram a plataforma. VidaClass promove uma relação de benefícios para os clientes onde os dois lados saem ganhando.

O mais recente passo que a plataforma deu em direção a esse objetivo foi abrir a possibilidade de contratação avulsa. Para ter acesso aos serviços e produtos com descontos, que chegam a 80%, o cliente não precisa mais de uma assinatura, basta acessar, escolher, agendar e realizar o pagamento.

A plataforma oferece, por exemplo, exames a partir de R$ 2,80 e consultas a partir de R$ 35, além de descontos em medicamentos e produtos de higiene, por meio do serviço de farmácia digital, o VC Delivery.

Sobre a empresa – Criada em 2014, a VidaClass é uma startup que promove acesso a diversos serviços na área da saúde. Entre eles, médicos, dentistas, exames de imagens e laboratoriais, consultas multiprofissionais, pacotes hospitalares, seguro de diária internação hospitalar e benefícios farmacêuticos.